Tem alguém aí?

Bem, há séculos ando em crise para escrever. Eu sei… Sei que falo isso toda vez.

Já busquei várias explicações. Antigamente (cês lembram?), a gente praticamente escrevia para se comunicar e fazer amizades. Era divertido ler, comentar, trocar ideias com amigos blogueiros. Hoje “blog” tem outro sentido.

As redes sociais massacraram os blogs. Difícil ter um que seja pessoal, apenas para ser pessoal. O Facebook, Twitter etc. tirou a descontração. Para escrever um texto numa página que exige que o leitor clique num link que o leve para fora daquele universo mastigado… A gente tem que escrever “de verdade”. E esse “de verdade” dá uma preguiça danada.

Mas, olha só: comprei um diário “Uma pergunta por dia”. Hoje ele me pergunta: “O que você precisa fazer?”

Bem… Preciso estudar inglês. Afinal, voltei pra faculdade pra me graduar em Inglês, e só sei dizer “Put the gun down!”. Lembro uma vez que fui fazer um teste pra MTV (Oi?), e eu nem sabia falar os nomes das bandas. Pavoroso. Até já havia me conformado com meu inglês de seriado, e como uma boa velhinha, a preguiça de ler legendas me pegou, e estava achando as dublagens todas lindas. BUT, como estou sempre dando um jeito de bagunçar a minha cabeça, agora tenho que assistir em inglês sem legenda/inglês com legenda em português/português com legenda em inglês/inglês com legenda em inglês. Durmo toda vez.

O Google já viu meu movimento e me oferece todo tipo de curso grátis que tem que pagar. Então estou por aqui me virando sozinha, para que da próxima vez que o entrevistador me perguntar onde eu moro, eu não precise dizer “Faaaarrrr away from here”. (Juro!)

Estou tentando ouvir música também. Mas, minha playlist é toda com bandas dos anos 80/90. Não ouço rádio. Depois que vi o Adam Levine sem camisa no Rock in Rio, até passei a gostar do Maroon 5, mas na minha lista só tem a música que ele canta sem camisa. Eu sou horrível. Que tem de bom pra ouvir ultimamente, gente?

Escrevi três parágrafos de um possível diário. E se meu blog voltasse às origens? Tem alguém aí?

8 replies to “Tem alguém aí?

  1. Eu tô aqui desde a época de ‘escrever no coração com lápis’ e ‘é a minha saudade que precisa ir embora’ :P
    Sou fã faz tempo, o blog fica nos meus favoritos e é uma delicia quando eu vejo que vez ou outra surge post novo :)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star