15 replies to “Entenda…

  1. Faz de conta que essa rosa é uma fênix. E quando você bem pensar que ela murchou, aí é que ela renasce ainda mais bela, mesmo que seja no jardim de outro dono.

  2. Quando perceber que quando se morre é sempre por quem não merece. Somos nós quem escolhemos se queremos morrer ou viver.
    Escolha viver! Terás muito mais a oferecer!

    Adoro o seu blog! E a imagem nova está linda.
    Beijos

  3. O que mais me assusta em seus textos é a generalização. Você expressa não apenas o seu pensamento, você fala da forma como a mulher entende e se relaciona com o universo, mesmo quando parece estar falando de você.
    Por que isso me assusta? Pelo mesmo motivo que você não declara abertamente o receptor da mensagem. Eu me assusto porque eu posso ser um receptor qualquer de uma mensagem não dita pela mulher que pensa como você…

  4. guarde a flor murcha dentro do livro que vc está lendo agora…ela sempre será a lembrança daquele momento.
    não deixa que a flor apodreça dentro do vaso, não deixe que bichos cheguem perto…não deixe acabar o encanto de algo que um dia foi tão lindo.
    comece outro jardim.
    plante margaridas. são mais simples, porém duram mais.
    mariah

  5. Momentos difíceis… nunca sei o que dizer às pessoas nessas horas , prefiro apenas repetir as palavras do sábio Mário Quintana, sempre me ajuda:

    “Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela.
    Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher da sua vida.
    Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.
    O segredo é não correr atrás das borboletas…
    É cuidar do jardim para que elas venham até você.
    No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você.”

  6. Eu li seus últimos posts e acho que entendi (ou pelo menos me aproximei) o que você está sentindo…
    Estou numa fase completamente desacreditada dos homens. Mas não do amor. Ainda tenho a capacidade de amar, mesmo sabendo que os homens não merecem.

    E não se importe em morrer tantas vezes. Cada vez que a gente ressuscita, ressuscita mais forte. ;)

    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star