Estatística

Quando mudei o blog para este endereço do MB foi meio que recomeçar, porque meu antigo endereço foi deletado sem aviso, e os textos foram embora junto. Mesmo sem muita vontade de escrever mantive esse espaço, porque sei que sempre chega um momento que eu acabo querendo escrever alguma coisa.

Por curiosidade, comparei, num post antigo, as visitas e comentários entre o blog novo e o “velho”. Eu tinha umas 100 visitas por dia, e posso dizer que eu chegava a ter pelo menos 80% de comentários. No novo eu havia perdido quase metade das visitas, e comentários não sei, porque fiquei um tempo sem espaço para isso.

Para quem tem blog sabe que ter aproximadamente 100 visitas por dia é um blog bem visitado… Bom, claro que escrever no MB acaba sendo uma porta para visitas… Mas o MB é um absurdo de visitas por dia, e o que as pessoas querem saber sobre nossa vida se limita aos textos publicados lá.

Mas por que tô falando disso? Porque achei interessante ler o post antigo e comparar com hoje em dia. Hoje tenho em média 250 visitas por dia, chegando a picos de quase 500. Mais da metade entra aqui por outros links por aí, e por mecanismos de buscas. A maioria (e TODOS os dias) procura por “Danielle Means”, “Lé-ri-bi” ou por trechinhos de algum texto, normalmente “sempre gostei de usar lápis”.

Bom, pelo visto as pessoas não gostam de comentar. Exceções das amigas reais e virtuais. Porém, o mais interessante disso tudo é que eu realmente achei que meu blog aos poucos acabaria caindo “no esquecimento”, porque não sou mais tão divertida, e faz tempo que meu cansaço supera qualquer inspiração. E além do mais… a última coisa que quero é sentir algo que me traga inspiração. Quando se trata de coração, todo texto feliz acaba sendo substituído por tantos outros tristes. Sad but true.

BUT, obrigada por todos que continuam aqui. É muito bom saber que as pessoas ainda gostam de me visitar.

Beijo a todos!

Boa caminha nessa chuvinha. ;-)

 

ps:

E quanto a você

Você dita ao meu coração
O que ele não quer aprender, Zé…

35 replies to “Estatística

  1. Culpa mode on *-*
    é que vc falando assim, eu fico me sentindo culpada master de não aparecer mais vezes
    normalmente, eu leio pelos feeds e nunca da tempo de comentar
    atualmente, nem o meu blog eu arrumo mais – mudei de emprego e to sem tempo nem de respirar
    *-*

    e a Dani tinha que me deixar culpada por sumir
    valeu heim, hauhauaaaa

    :o)
    bjos minha querida
    saudades master de ti

  2. Mais uma pro grupo das amigas virtuais. Mas q ta tentando conhecer pessoalmente.
    E mais uma q nao recebe visita e nem email resposta e que ainda assim nao te esquece, nao deixa de amar seus textos e tem um baita orgulho de saber q compartilha do prazer (como eu tenho) e da benção que é ser mãe. E ter acompanhado isso mto antes da Marina nascer, da uma sensação de amiga real, e nao virtual.
    bjao mule!

  3. Pois é, Dani Means…

    Desde os tempos do projeto do Quadrinhos, que praticamente TODO DIA alguém visita o meu site pela busca do “sempre gostei de usar lápis”. Só hoje foram uns 3.

    Você escreve textos absolutamente lindos, o do lápis pode ser até o mais famoso – mas não é o único.

    Beijos!

  4. Sei como é essa história de desânimo…
    Já passei por três mudanças de blog, e meu número de visitantes não passa de dez…mensais…Quanto aos recados, é mais complicado ainda. Se eu tiver mais de três, já dou pulinhos de alegria.

    Reforçando o coro, eu sempre leio, tamto o MB quanto aqui os seus textos, e confesso que adoro…desanima não, mulher!

    E eu adoro chuva! Principalmente quando não enfrento engarrafamento… ^^!

    Beijo!

  5. Bom, eu como sempre tô por aqui, realmente nunca comentei no seu blog. Por sinal, muito bom. Após ler esse post pensei que deve ser legal você escrever algo e receber elogios/críticas do que escreveu, é isso me levou a comentar ;]
    Seus posts servem muitas vezes de inspiração pra mim, seja pra pensar ou escrever, gosto muito deles, e até já usei algumas partes ( é, sem sua autorização ou pedido de licença, porém sempre com os devidos créditos) pelo mundo virtual.

    Parabéns mesmo pelo Blog! ;D

  6. Putzzzzzzzzzzzzz…. estava pensando desde de qdo leio o MB, susto 2003!!!!! então assim passei por diversas fases… mudanças, despedidas rsrsr, qdo seu livro fui lançado… achei ótimo !!! o blogger era pequeno para vcs…. mas ainda quero ver vcs no JÔ rsrrsr beijo……..

  7. Aaaaaaaaahhhhh
    eu sempre venho aqui, sempre me encanto com seus textos, sempre me divirto com algumas situações e citações do dia a dia. Mas principalmente sempre me identifico com você. Que passou a ser exemplo de mulher, guerreira, que tem talento, é inteligente e outras tantas qualidades.

    Adoro e acho que muitos também, por isso muitos te acompanham.
    Descobri esse blog através do MB que foi passado pra mim por uma amiga. E linkei nos favoritos desde o primeiro dia.

    E tamanha foi a identificação que eu já li e reli textos antigos. Adoro mesmo.

    E estarei aqui sempre pra prestigiar o que você escreve. E pra me encantar e me identificar.

    Beijos ;)

  8. Oi Danielle!!!

    Nossa, quantas visitas!!! Parabéns!!! =]
    E eu acho, sinceramente, que você está se desmerecendo. Seus textos SEMPRE são ótimos. E não estou falando para agradar. Eu não comento em blogs que considero desinteressantes.

    Seu blog é famoso porque você é muito especial! =]

    Beijos

  9. Ai Dani, sem demagogia, é sério! Vc é mto especial mulé! Seus textos são ótimos mesmo qdo vc está triste e, principalmente, qdo está alegre!
    Te adoro, minina bunita!

  10. Leio vc sempre e tb comecei a ler por causa do MB, que confesso, ando lendo pouco.
    Leio vc porque gosto desse seu jeito de escrever (seja o que for) com a sensação de que está sempre garoando uma chuvinha fria e gostosa lá fora. Leio vc pq sinto inteligência no que escreve.

    Beijo grande e a chuva aqui tá fria e bonita. Gosto de pingos de chuva, me trazem paz!!!

  11. `Pois é…
    eu qdo atualizo minha leitura no MB sempre passo no seu blog…
    mas não lembro mesmo de ter comentado alguma vez…
    mas leio tbm desde o outro blog…
    antes da mudança…
    acompanhei sua gravidez e suas histórias…
    hehehe
    adoro sua forma de expressão…
    em especial um texto q até já anexei no meu orkut um tempão (com autoria viu?) hehe
    “Certezas Incertas” era bem o q eu tava passando na época e to …
    continue assim… sempre completando com palavras os nossos dias
    bjs

  12. Ahhhh!!
    Juuuuro que eu não sabia como comentar aqui… hauhauh
    Nunca prestei atenção nisso e nunca procurei saber…
    Mas agora deu vontade de comentar.

    Visito o blog a pouco tempo mas já li TODOS os posts anteriores, digo TODOS meesmo….

    Não te acho cansativa. Seus textos as vezes faaaalam por mim.

    Principalmente o das cores… =//

    beeeeijoooos!

    ps: Me ensina a usar a borracha. Parece que isso aqui está escrito à caneta.

  13. Assim, senti a indireta.
    hahahaha =P
    nunca comentei .. frequento seu blog há um tempaaao, desde o outro link, sabe ?

    E perai, como assim vc num é mais divertida ?
    tsc… té parece !

    Beeeeijo .
    ps: prometo comentar sempre entao, vai =P

  14. Não ter tantos comentários não significa que as pessoas não gostam do que lêem. Pelo contrário, suas palavras já completam tudo por si só e acrescentar algo seria um pecado.

    Sim, amiguinhaum, eu continuo sempre aqui… com essa saudade sempre eterna dos dias que não tinhamos muita coisa a fazer e ficavamos horas batendo papo!

    Love ya!!! Beijos meussssssssssss!!!

  15. Eu me encaixo no perfil dos que não comentam, mas… que te visiitam quase que diariamente na espectativa de ler algum texto novo e que nem por isso deixam de ser menos fãs e admiradores do seu jeito autêntico e direto.
    Não sei viu, mas quando chego aqui de alguma forma me sinto em casa.
    Beju enoooorme em vc e em Marina, aquela menina mais linda e fôfa!

  16. Então…cheguei até aqui tb atraves do “MB”, e gostei tanto qto de lá!

    Fiquei pensando sobre as visitações nos Blogs, os comentários e a interação com quem lê o que escrevemos (ah…tb sou blogueira) e acho que passo por um momento assim tb. Qto a inspiração gostei do que vc falou, principalmente a cerca dos momentos felizes e tristes.

    Vou visitar sempre, se não comentar, talves seja por pura falta de tempo, mas serei sempre assídua!

    Abraços,

  17. Então, eu leio sempre e sempre e SEMPRE!
    Faço jornalismo e adoro a forma como vc consegue falar das coisas e do modo como vc nos faz pensar “puta merda, poderia mto bem ter sido eu q escrevi isso”, porque vc traduziu muitas vezes o que meu coração sentia.

    Meus parabéns e espero que um dia minha escrita também possa encantar as pessoas assim como a sua.

    beijão!

  18. Nem me lembro como cheguei aqui….mas depois disso não consigo mais sair….venho aqui todosssss os diasssss rigorosamente….

    Adoluuuu seus textos e adolu vc também!!
    Super abraço em vc e na marina. :)

  19. Vixi, meu comentário (que fala pra vc ir lá no Blog) foi parar em outro post seu (o da novela)! Não entendi nada… hahaha

    Enfim, eu descobri o Lé-ri-bi pelo MB! Só não lembro como descobri o MB…hahahha
    E desde então, não consigo deixar de ir em nenhum dos dois! :D
    Adooooooooro!

    bjo pra tu!
    E pra ela tb! ;)

  20. Bem,eu sempre leio seus textos,os acho maravilhosos!!!
    Mas realmente nunca tinha parado para comentar…hihihihihih
    De agora em diante farei isso sempre!!!!
    Parabéns pelo Blog!!

    Beijos na Marina
    =D

  21. Sou do tempo do Lé-ri-bi, no Blogger. É, né? Ou estou fazendo confusão? Pode ser, já faz tanto tempo.
    Vc tá apaixonada, né? :) Quando a gente se apaixona e passa por todas as agruras do amor e da paixão fica meio sem saber o que escrever e porquê escrever, é ou não é? ;)
    Hoje mesmo eu escrevi sobre essa coisa de visitação e comentários num blog. Acho uma coisa meio louca isso, não entendo.
    Beijo.

  22. É, cada texto feliz é substituído por muitos tristes. Engraçado como isso é praticamente regra… =/

    Ainda assim, ultimamente eu bem que queria inspiração (uma nova inspiração). Mesmo q isso signifique alguns muitos textos tristes mais tarde. Se for triste por causa de outra pessoa, já é um começo. hehe.

    :)

  23. Sempre que dá pra comentar, eu comento (normalmente vejo seu blog lá no trabalho e comentário é bloqueado :(

    Enfim, você ainda tinha dúvidas de que as pessoas não te visitariam?!

    Doce ilusão :P

    beijooooooooooooo

  24. Eu sou vistando assidua!! Comento sempre que possivel, mais sempre leio. Nao por querer te acompanhar(ja q vc nao é novela) mais sim pq gosto das palavras que seu coracao escreve, e quase sempre consigo respostas pras minhas duvidas.. pq as vezes oq vc escreve,é oq eu sinto, e nao sei colocar “pra fora”…

  25. Eu SEMPRE venho aqui, e já há um tempo, mas acho que nunca tinha comentado..
    Ok, agora vou fazer isso mais vezes :D

    Parabéns pelo blog que eu gosto tanto!

    ;** Camila

  26. eu nem sei como vim parar aqui… ehehehe
    menina, que bom que tá chovendo por aí… aqui em Vitória tá quente, umido e abafado, mas nao chove direito (choviscou à notie, mas nao conta).
    Bem que amanha (hoje, domigo), podia chover…

  27. oiie.. depois desse post.. eu tinha q comentar!!
    eu acompanho seu blog desde o velho…
    e o mb tb!!
    adoro o jeito como vcs escrevem..
    e em especial o seu..
    me identifico mto!!!
    ando descubri esse site..( logo qndo lançou o texto do lapis no audio!) eu favoritei e nunca mais me perdi dele!! ^^
    na verdade nao comento pq fico meio assim…
    mas agora vou passar a comentar!!
    e visitar sempre q puder!!!
    bjss e aproveite a xuvinha pq aki em ssa ta um tempo meio indeciso!!

  28. Eu estou no grupo das amigas ‘virtuais’q sempre passa por aqui..
    é uma forma de ver como vc está, já q sumimos do msn :P
    gosto de ler seus textos…

    E qto a chuvinha… Mulé, enfim tá chovendo em Minas, depois de meses! nao aguentava mais respirar fumaça dessas queimadas =\
    o calor ta chegando, do jeitinho q vc gosta :P

  29. Eu cheguei até aqui, por causa do MB. E nunca tinha comentado.
    Depois de ler a tua referênca ao “a menina que roubava livros” eu fui correndo comprar, me deu uma sede de leitura, que até então me saciava com os blogs que sou frequentadora assídua.
    e tantas vezes, te visito apenas para re-ler “desses tantos modos”.
    Obrigada, por muitas vezes escrever aquilo que eu estava procurando.
    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star