Perfil

Todo mundo sabe que já passei dos 30. Três anos a mais. Quase quatro.
Acordo com a cara amassada e feia de doer. Cabelo é meu ponto fraco, tem que estar sempre bonito. Ou quase. Não sou mulherão. A única vez que tive corpão foi quando estive grávida e engordei 20 kg. Tenho celulite. Tenho estrias. Tenho gordura localizada. Ainda estou 10 kg acima do meu peso. Mas até que ainda sou bonitinha. Juro.
(Linda mesmo é a minha filha)

Sou discreta. Odeio barulho, música alta, presepada, gente que gosta de aparecer, mas não sei segurar uma boa gargalhada. Tenho certeza que meus vizinhos sabem quando assisto Friends.

Essa coisa de dar gritinhos e jogar beijinhos, não é comigo. Não sou meiguinha. Não sou miguxa. Não ando em panelinha. Não vou com a “galera”. Não vou com a “turma”. Vou com A e B ou com C.

Odeio milkshake. Não ligo para sorvete, mas bem que gosto daquelas taças cheias quando é de flocos. Não ligo para chocolate, mas na TPM nada é mais gostoso. Amo Chocookie. Amo Coca-cola. Amo Big Mac. Amo ir ao cinema. Amo pizza de banana. Amo ficar em casa em dias de chuva. Amo meus poucos amigos. Amo minha família. Mas quem eu amo mesmo mesmo é a Marina.

Homens não acotovelam-se por minha causa, mas sei que alguns corações ainda são meus. Sou enjoada. Sou implicante. Sou aparentemente antipática. Nunca mal educada. Quando não gosto de alguém eu não gosto mesmo. E não faço questão.Não falo o que quero. Contudo, daquele ditado “quem fala o que quer ouve o que não quer”, sou aquela parte que faz ouvir o que não quer. E quem fica com fama de grossa sou eu.

Mas, sabe… Eu sou amiga. Sou divertida. Sou engraçada. Ninguém fica perto de mim sem rir, mesmo nos momentos ruins. Sei rir de mim. Nunca rir das pessoas. Bom, não assim na cara delas. Sou amorosa. Sou simples. Sou tranqüila. Sou simpática naturalmente. Não sou convencida, mas também não tenho falsa modéstia. Não ligo para dinheiro. Deve ser por isso, inclusive, que não tenho. Nunca fiz amizade por interesse. Quem quiser que goste de mim. É fácil lidar comigo. Não é fácil conviver comigo. Não sou teimosa, porque tenho preguiça de discutir, mas não insista, porque eu sei ser irritante. Não tenho medo de briga, mesmo desarmada e desprevenida, porque sei que tenho muita força. Não venço todas, mas estou sempre pronta para levantar de novo.

É fácil pisar em mim. É fácil me magoar. É fácil me entristecer. Difícil é me fazer desistir. Não por ser otimista, lutadora ou algo parecido. Eu sou é carne-de-pescoço.

Odeio muitas coisas. Odeio gente idiota. Odeio coitadinhos. Odeio ser o centro das atenções. Odeio mesmice. Odeio gastar dinheiro à toa. Odeio valorizar quem nem lembra de mim. Odeio esperar. Odeio acreditar no que não existe.Odeio rótulos. Odeio bebida com limão. Odeio quem não sabe brincar. Odeio estudar. Odeio Bob Marley. Odeio macarrão com carne moída. Odeio calor. Mas o que eu odeio mesmo mesmo é de gente que se mete.

Sei fazer as pessoas se sentirem amadas. Sei fazer as pessoas felizes. Não sei fazer pessoas se sentirem odiadas. Sei fazê-las se sentirem insignificantes.

No fundo a gente sabe fazer com os outros o que eles sabem fazer com a gente.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star